17 de março de 2016

Repare, espie, veja, olhe, atente

O nome da publicação é Veja.  Fui assinante um bom tempo. Depois não renovei. Minha irmã – Ana Maria – presenteou-me com uma assinatura. Sob protestos, eis que  não me conformava com o exagero do presente, renovou por mais um ano. Briguei e ao invés de capitular, migrou a assinatura para a versão digital.

Aí falei grosso. Cancela já! Não tendo alternativa transferiu para ela mesma a assinatura.

Mas não se deu por vencida. Quando vem a Niterói, deixa lá em casa as últimas edições da revista.

Foi assim que, folheando alguns dos exemplares, li e registro:

Stephen Curry
Uma matéria interessante sobre Stephen Curry, armador da equipe do Golden State Warriors, celebrizado por seus arremessos de 3 pontos.

Os comentários e gráficos sobre a velocidade com que solta a bola, a angulação e a parábola  são bem  demonstrados e explicados.

Seu sucesso fez com que todas as outras equipes da NBA passassem a valorizar os arremessos de fora da linha dos 3 pontos.

Ele estará certamente aqui no Rio, integrando o novo “dream team”. O do momento. Não sei se Kobe  Bryant e LeBron James aqui estarão. Mas de qualquer forma é programa imperdível assistir o  time americano jogar.

Einstein
Outra matéria, melhor ainda, trata da confirmação da “Teoria da Relatividade Geral”, formulada há 100 anos pelo gênio Albert Einstein, no que concerne as ondas gravitacionais, detectadas a partir da fusão entre dois buracos negros.

Pedi o depoimento de meu filho Ricardo e ele me disse que a matéria é confiável, bem desenvolvida e explicativa. Se ele falou, tá falado. Lerei com toda a atenção.

Uma enorme surpresa e satisfação foi constatar que o ótimo “O Pequeno Príncipe” se mantém há 152 semanas consecutivas na lista dos livros mais vendidos. Isso depois de haver saído e retornado.

Três gerações, na minha família, leram, aprovaram, tiraram ensinamentos e referem exemplos da sabedoria do personagem.

Muito boas as matérias sobre as operações Zelotes e Lava-Jato. A propósito, fui ao Michaelis (online) e encontrei que zelote significa “que finge ter zelo”.

Também tem reportagens sobre o mosquito que está infernizando nossas vidas. Vou criar sapos em casa.

E, como não poderia deixar de ser, muita matéria sobre o homem que se intitula “a alma viva mais honesta deste país”. Como ele explica o fato de estar cercado por tantas pessoas e empresas desonestas? Perguntou um leitor.

Pelas notícias de ontem ele passará a exercer o cargo de "primeiro ministro". Dilma será apenas hospede no Planalto. 

Poderemos considerar um terceiro mandato de Lula ou um parlamentarismo disfarçado.

13 comentários:

Jorge Carrano disse...

E os canalhas da quadrilha que está no poder chama de GOLPE a tentativa de impeachment, que é previsto da Constituição.

Como iremos chamar então o que Dilma, Lula e o resto da quadrilha petralha tramou nos bastidores?

GOLPISTAS são eles. A nomeação de Lula configura crime de favorecimento. Foi para ele escapar da prisão iminente.

A ABIN andou grampeando o telefone do juiz Moro.

Jorge Carrano disse...

Grampearam o telefone de Sergio Moro.

Por isso correram com a nomeação de Lula, atropelando o rito. o termo de posse foi mandado para Lula como documento álibi que ele só deveria utilizar em emergência.

Mas essa quadrilha é muito incompetente. Protagonizaram uma comédia de erros.
E cometeram vários crimes: obstrução da justiça, falsidade ideológica, favorecimento, ......

Jorge Carrano disse...

Leiam:
http://www1.folha.uol.com.br/poder/2016/03/1750906-especialistas-citam-obstrucao-da-justica-outros-contestam-gravacao.shtml

Jorge Carrano disse...

Quem ainda acha que tudo vai acabar em pizza levanta o dedo.

Carlos Frederico disse...

Eu!
Já até escolhi o sabor: margheritta.

Jorge Carrano disse...

Desejo, de todo coração, que você tenha uma indigestão braba.

Jorge Carrano disse...

O babaca do Eduardo Paes perdeu uma enorme oportunidade política.
Administrando uma cidade que já está e estará ainda mais na mídia mundial, com um orçamento monstruoso para obras, que transformaram a cidade num gigantesco canteiro de obras, e teria muita chance de eleger governador do estado no próximo pleito, mostrou ser um oportunista, despreparado, que numa diarreia verbal ofendeu cidadãos, achincalhou cidades, como Maricá, e fez juras de amor ao chefe da quadrilha intitulada PT (sou um fiel soldado seu, disse para Lula).
Mais idiota impossível. Quero a morte política dele.

Ana Maria disse...

Cada povo tem o governo que merece, já disse alguém por este mundo de Deus.
Nós fazemos por merece esse deboche, essa corrupção, essa degradação moral.
Estou farta de profetas do apocalípse, que preveem a vitória do mal abrigado em suas casas confortáveis.
Somos acomodados, uns perfeitos bundões, que aguardam o caos para se queixar do preço do filé mignon no restaurante da moda ou cuja preocupação é o preço da cerveja ou da asa de frango do churrasco.
o pior é que estas mesas pessoas cantavam a plenos pulmões durante o regime militar, "quem sabe faz a hora não espera acontecer".
Coo entoou a dupla Cleiton e Cledir, "Deu pra mim, baixo astral"
Xô urubus!!!

Jorge Carrano disse...

Ana Maria,
Você é o irmão que não tive. Pela inteligência, pela coragem, pela independência, pela maneira clara e objetiva de se expressar.

Só falta ter aquilo roxo, mas é mero detalhe, porque conheço gente que não tem. Ou se tem, não uso, não honra.

Carlos Frederico disse...

Na verdade, deveria escolher pizza portuguesa em homenagem ao nosso passado, mas os ingredientes são meio pesados pra mim ultimamente. Fico com a margheritta mesmo.

Carlos Frederico disse...

Aproveitando para explicar (bula).
Quem acha que o Vasco não vai ser campeão estadual 2016 levanta o dedo.
Aí eu levanto o dedo.
Pronto! O blog manager cai em cima de mim taxando-me de traíra, de pessimista. Só dei uma opinião, respondendo a uma pergunta.

Muda o cenário: quem acha que isso tudo vai terminar em pizza? Opino que acho. Isso de forma alguma implica que esteja torcendo para tal, como infere o blog manager. Com a confiança que tenho em advogados e juízes que vêm conduzindo as investigações, acho mesmo que eles não têm competência para vencer o jogo.
Não é uma torcida, é opinião.
Será que preciso fazer mais bula?

Riva disse...

Opiniões jamais podem ser confundidas com escolhas.

.... e eu que fui comentar o preço de um bife de filé mignon .....? olha o que sobrou pra mim ...

Sou um batalhador pela minha família, em 1º lugar, e por extensão, ao entorno. E me orgulho do que conquistei, do que construí. Missão cumprida.

Considero-me no cenário de hoje um felizardo, por estar empregado, com saúde, e conseguindo pagar minha contas, porque só piso onde posso pisar. Sempre fui assim. Mas um felizardo, sem dúvida, com vários amigos sem trabalho, por causa desse governo FDP.

Melhor hibernar um pouco, virtualmente, porque nitidamente muitas pessoas estão amarguradas, infelizmente, com quem tem uma melhor sorte no momento.

Sim, é apenas uma questão de sorte. Até chegar vivo em casa hoje é apenas uma questão de sorte.

Sorte, é o que desejo a todos que sentam nas mesas do Pub da Berê.

Ana Maria disse...

Caro Riva. Não se ofenda com meus comentários. Embora a referência ao preço dos filés tenha sido motivada por sua citação, apenas quis exemplificar a postura de grande parte dos brasileiros que votam ou se omitem com base apenas em sua realidade.
O que gostaria que todos fizessem seria pensar no todo; empatizar com a realidade de outras pessoas que, por motivos diversos, mas em geral, independente de suas vontades, não possuem profissão definida ou recursos educacionais e culturais que as habilitem para conseguir emprego em época de crise.
Sou passional e costumo emitir minha opinião com franqueza e não raras vezes constranjo ou magoo o interlocutor. Meus amigos já acostumados com minha extrema sinceridade me aceitam como sou e, por incrível que pareça me procuram pedindo orientação. Respeito sua posição, mas me sinto no direito de discordar.
Finalmente, parabenizo vocês por exporem suas ideias abertamente. Me enoja os hipócritas que têm um discurso diferente de seus atos.