30 de abril de 2015

Terceiro volume morto

Não estou morrendo de sede, pelo menos não da sede de ingestão de líquido, com secura na garganta.

O blog está no terceiro volume morto na captação de paciência, de alento, de coragem, de ânimo para suportar tanta ignomínia por parte desta quadrilha com rótulo de partido político, que tem como objetivo, além de assaltar os cofres das estatais, levar o país ao caos e a desordem para ai então implantar um regime ditatorial no modelo bolivariano em moda no continente.

Algumas ações são tão absurdas, tão fora de propósito, tão condenáveis que até mesmo um veículo de comunicação importante e com mais independência e coragem do que a Globo, publicou um editorial condenando a atitude do PTralha que governa Minas Gerais.

Não preciso acrescentar ou suprimir coisa alguma, no texto lido pelo apresentador da Bandeirante. Confiram no vídeo abaixo.

video


Por outro lado, na ponta da reação da sociedade contra os incompetentes e corruptos que se instalaram no poder, não conduzidos por pessoas conscientes e politizadas que leem jornais, mas sim por aqueles que se utilizam de suas páginas para se limpar no WC, haveria a ideia de uma marcha sobre Brasilia para exigir medidas urgentes do congresso que se revela acovardado e vendido ao PT.

Acho uma ideia válida, entretanto não concordo que sempre os fins justificam os meios. Nesta linha, por mais que tenha sido bem produzido, discordo da utilização do vídeo abaixo, para mobilizar as pessoas, porque sou contra fraudes, montagens e artifícios escusos, mesmo quando se trata de boa causa.

Assistam enquanto está no ar em: 


27 de abril de 2015

Comissão da verdade em Cuba

Com o estreitamento das relações entre Cuba e USA, será questão de tempo a reconquista das liberdades individuais na ilha. E as novas gerações, com o crescimento econômico e a modernização do pais insular, terão consciência do quanto foram privados durante os anos de ditadura, entendida esta na mais perfeita acepção da palavra.

Aqui e ali, a imprensa aos poucos, e os meios literários, terão liberdade de expressão e poderão relatar como foram os anos de chumbo da ditadura castrista. E o quanto endeusaram um guerrilheiro sanguinário, fruto de marketing da esquerda mundial. Claro que estou me referindo ao Che Guevara.

Fotos e vídeos das torturas e dos paredões de fuzilamento sumário, sem julgamento, dos adversários do regime socialista implantado por Fidel, exatamente com algumas abaixo publicadas, provocarão, com certeza, indignação nas famílias das vítimas e na sociedade mais esclarecida.




Imagino que os cubanos chegarão a uma "comissão da verdade" para desmascarar e revelar ao mundo os horrores praticados pelos "revolucionários".

Mais alguns poucos anos, e gostaria de estar vivo para acompanhar, e teremos as derrubadas de estátuas e destruição de fotos dos títeres, embusteiros, déspotas, ditadores, que a pretexto de defender os pobres e promover a inclusão social acabam por se locupletar acumulando bens e dinheiro. E vivendo à larga, enquanto o povo sofre com racionamentos e restrições.

O poder corrompe, já foi dito, e fatos históricos reafirmam.

Mas, ao fim e ao cabo, a justiça prevalece e os lenines e genéricos da vida terão o mesmo fim, já não em vida, mas seus símbolos de culto a personalidade, para correção da história. 




26 de abril de 2015

Papo de Astronomia - Status das missões espaciais (1)



Por
Carlos Frederico March
(Freddy)








Recentemente (1 a 4 de março de 2015) foram publicados 4 posts relacionados com missões espaciais a astros do Sistema Solar, em andamento no corrente ano: pela NASA (agência espacial americana: Dawn e New Horizons) e pela ESA (agência espacial europeia: Rosetta/Philae):


O objetivo deste post é fazer a primeira atualização quanto ao status das citadas missões, referência final de abril/2015.

MISSÃO DAWN a CERES

Teoricamente é a que deveria render os primeiros resultados, mas a sonda Dawn teve de fazer uma longa manobra assim que entrou no campo gravitacional do planeta-anão Ceres, em março. Grande parte desse tempo ela ficou sem contato com o centro de operações, pois teve de se posicionar por trás de Ceres para então entrar na órbita pretendida. Só então, em regime normal, as imagens começaram a ser tiradas e transmitidas para a Terra.

Há um excelente vídeo explicativo desta manobra no YouTube:

Uma primeira foto em órbita de Ceres já foi divulgada pela NASA e, apesar de ainda ter pouca resolução, mostra novamente uma das crateras com 2 dos já famosos pontos brancos (na foto: à direita). Contudo, ainda não foram publicadas notícias científicas sobre o porquê desses pontos. Posso adiantar que eu e toda uma comunidade astronômica internacional estamos no aguardo ansioso delas.
 
Ceres em abril/2015

MISSÃO ROSETTA ao COMETA 67P (Churyumov-Gerasimenko)

No estado atual da missão, a sonda Rosetta se encontra orbitando o cometa 67P. Quando bem próximo, aproveita para tirar fotos de alta resolução de sua superfície, como a mostrada a seguir:

Superfície do 67P em 28/03/2015, a 14km de distância

O módulo Philae ainda não foi encontrado. Por defeito no sistema de ancoragem, repicou 2 vezes antes de pousar no cometa e acabou enfiado em alguma cratera ou desfiladeiro, tendo mandado algumas imagens antes de se esgotarem as baterias. A expectativa, eu diria torcida, é que, com a lenta aproximação do cometa do Sol prevista para os próximos meses, elas sejam atingidas pelos raios solares e recarregadas, permitindo que o módulo acorde de seu sono profundo.

O que temos de momento é o lento início de emissão de gases e poeira, que enfim é o que torna aquele pedaço de rochas e gelo um cometa de verdade! A Rosetta tem colhido imagens interessantes desse início de atividade, como a mostrada a seguir tirada em 15/04/2015 a uma distância de 165km do cometa.
 
Cometa 67P em 15/04/2015

Daqui a algumas semanas, quem sabe ele desenvolverá uma cauda de verdade? Entrementes, a Rosetta está preparada para se afastar paulatinamente do 67P à medida que as emissões forem aumentando, para que os gases e poeira não sujem as lentes nem emperrem os instrumentos de navegação.

MISSÃO NEW HORIZONS a PLUTÃO

Começou em 04/04/2015 a chamada 2ª Fase de Aproximação (AP2 - Approach Phase 2), que se estenderá até 23/06/2015. Replico aqui parte do comentário já publicado no post referenciado no início (o de nº 4) no dia em que a AP2 se iniciou:

"Nessa segunda fase, o objetivo será calibrar o caminho da sonda até Plutão e ao mesmo tempo ir tirando fotos cada vez mais nítidas dele e de seu séquito. Através da observação, mesmo que ainda tosca, dos arredores de Plutão, a NASA cuidará que a sonda não vá inadvertidamente se chocar com algum elemento desconhecido que esteja em seu caminho, evitando o final prematuro da missão."

As fotos que serão tiradas pela New Horizons durante a AP2 ainda serão toscas e muito parecidas com as que o telescópio espacial Hubble (em órbita na Terra) já tirou, mas à medida que a sonda for se aproximando as imagens do alvo ficarão mais nítidas. A NASA apelidou as semanas de maio em diante de BTH (better than Hubble = melhores que Hubble).

Abaixo temos a primeira foto colorida tirada pela câmera da New Horizons em 09/04/2015, já em plena AP2, mostrando Plutão e sua maior lua Charon a uma distância de 115 milhões de quilômetros. Como termo de comparação, a distância média entre o Sol e a Terra é de 150 milhões de quilômetros.

1º foto de Plutão/Charon tirada pela New Horizons

Como já informado no post específico, a New Horizons está planejada para passar por Plutão e seu sistema de luas em 14/07/2015.  A missão foi dividida em fases:

AP 1: 06/01/2015 a 03/04/2015 (já concluída - calibragem da rota)
AP 2: 04/04/2015 a 23/06/2015 (em curso, monitoração da rota)
AP 3: 24/06/2015 a 13/07/2015 (as fotos "de grupo" mais interessantes)
CAP (Closest Approach Phase): 13/07/2015 a  15/07/2015
Fly-by: 14/07/2015 (dia P: passagem por Plutão e seu sistema)

Durante a fase de maior aproximação CAP serão focados alvos individuais bem definidos, não haverá como enquadrar todo o sistema Plutão/luas. Sem contar que a iluminação, que antes era de frente - sonda entre Sol e Plutão - passará rapidamente a ser lateral e, finalmente, em contraluz.

Logo após a CAP, inicia-se a lenta transmissão das imagens obtidas no fly-by, processo que pode durar um ano. Serão desenvolvidas 3 fases de partida do sistema, denominadas Departure Phases e abreviadas DP:

DP 1: dias P+1 a P+21: primeiras imagens em contraluz
DP 2: dias P+21 a P+100: principalmente busca de anéis no sistema 
DP 3: dias P+100 a P+180: procedimentos finais da missão.

Por favor, nada a ver com Delegacia de Polícia - rs rs
Ao longo dos meses, iremos dando mais informações.

CRÉDITOS:
Imagens extraídas de sites da NASA e da ESA 
Missão Dawn - NASA
https://www.facebook.com/dawn.mission

Missão Rosetta - ESA
https://www.facebook.com/RosettaMission

Missão New Horizons -  NASA

http://www.nasa.gov/content/first-pluto-charon-color-image-from-new-horizons

25 de abril de 2015

ANNECY

Noutro dia tratou-se, aqui no blog, de coleções (http://jorgecarrano.blogspot.com.br/2015/04/colecoes.html).

Tive as minhas, embora não tenha comentado, porque em nada diferiam das mais corriqueiras. Das estampas do sabonete Eucalol, passando pelas flâmulas de colégios e clubes, até os lápis de propaganda e caixas de fósforos também com publicidade, tive algumas outras bem comuns, como as de selos e as de postais.

Os postais caíram em desuso, então não falo em coleção, mas sim em ajuntamento, sem ordem ou critério para guarda ou exposição.

Mas foi exatamente por causa de um cartão postal ontem recebido  foi que me lembrei desta coleção.

Meu amigo Carlos Augusto – Carlinhos -  em périplo pela Europa, enviou-me este aqui publicado, da cidade de   Annecy, na França.



A França é, provavelmente, o país que ele mais visitou, e Paris, seguramente, a cidade de sua predileção. Ele gosta e conhece mais Paris, do que o Riva gosta de New York.

Aliás, recomendo aos que planejam visita à Cidade Luz e que não a conhecem, que visitem o blog do Carlinhos (http://calfilho.blogspot.com.br/2015/03/a-magia-de-paris-9.html) porque ele dá ótimas dicas sobre lugares baratos, charmosos e inusitados, não necessariamente nesta ordem. Leiam a série "A magia de Paris" com utilíssimas informações.

Não conheço a cidade do postal, mas fui ao Google me inteirar. Belle et charmante. 

Uma lástima que não se enviem mais cartões postais com simpáticas mensagens como a que o amigo me enviou desde a França, com votos pelo meu aniversário. Aposto que o atraso de três dias no recebimento deve-se aos Correios no Brasil.

Agora as fotos são enviadas via smartphones, no momento mesmo em que tiradas pelo mundo afora.

24 de abril de 2015

A história irá se repetir?

Na temporada de 2013, nesta mesma fase semifinal, o Bayern massacrou o Barcelona, eliminando a equipe catalã da competição: 4X0 e 3X0. Inquestionável.

Guardiola já não era o técnico do Barça, mas não tinha ainda assumido o Bayern.  Quem comandava o Barcelona era o Tito Vilanova. Nenhuma desonra em ser eliminado pelo Bayern, naquela edição da Champions, porque foi o ano em que a equipe bávara ganhou a tríplice coroa: campeã da Bundesliga, da Copa da Alemanha e da Champions League.

Este post poderia ser intitulado “Os filhos de Mazinho”.

Com efeito, o ex-jogador Mazinho, ao contrário de outros jogadores mais famosos, casos de Pelé, Zico, Dinamite, Bebeto e Romário, tem dois filhos que são ótimos jogadores, conceituados e valorizados no mercado europeu. Falo de Thiago Alcântara, ora no Bayern (mas já foi do Barça),  e de Rafinha, que joga no Barcelona.

Não confundam este Rafinha com seu homônimo, lateral direito do Bayern, agora titular desde que o Philipp Lahm passou a atuar como volante na equipe de Munique.

O Thiago Alcântara é um ótimo jogador, outro que o Brasil perdeu por descaso dos dirigentes. Ele tem tripla nacionalidade e poderia ter sido convocado para a seleção brasileira.

Mazinho deve estar como pinto no lixo, com dois filhos em equipes de prestígio e com possibilidade de conquistar a Champions este ano. Um em cada equipe. Com certeza terá um filho disputando a final.

Outra curiosidade resultante do sorteio dos cruzamentos, realizado hoje, é que Guardiola dirigiu e fez nome no Barcelona e agora tenta repetir o feito no Bayern. Só que na equipe alemã não implantou o tiki-taka tão criticado por alguns.

Luis Henrique, ora técnico do Barcelona, foi companheiro de Guardiola, no Barcelona, pois dirigia a equipe “B” do clube espanhol, enquanto  Pepe dirigia a equipe principal.

Quem se deu melhor no sorteio foi o Real Madrid. Vai enfrentar a Juventus, fazendo o segundo jogo em casa, em Madrid.

A equipe italiana é a mais fraca, teoricamente, mas não será uma empreitada fácil para os madrilenhos (madrileños).

Zidane, agora assistente no Real Madrid, jogou muito pela Juventus, assim como Carlo Ancelotti atual treinador do Real, foi técnico da Juve durante três temporadas.

Teremos ótimos confrontos para assistir, a partir de 5 de maio. 

23 de abril de 2015

Le zebre

Dentre outros apelidos, a Juventus, de Turím, é conhecida como a zebra. Este animal listado, inclusive, é o seu mascote. Claro que numa alusão ao seu uniforme.

Todavia, a classificação da Vecchia Signora (outro apelido da Juve), para disputar as semifinais da Champions League foi, na minha avaliação uma “zebra” mesmo, no sentido do improvável.

Esta quarta vaga conseguida, entre Barcelona, Real Madrid e Bayern, deveria estar destinada a uma equipe inglesa. Com certeza ou Manchester United, ou Manchester City ou Chelsea, que participam da liga mais competitiva, mais equilibrada da Europa, deveriam estar no lugar da Juve, mas ficaram pelo caminho.

Andrea Pirlo
Claro que a equipe italiana, da região do Piemonte, tem alguns bons jogadores, como Pirlo (em fim de carreira), Buffon (um ótimo goleiro), Pogba (um dos melhores meio-campistas em atividade, cobiçado por várias equipes) e Tevez (grande goleador argentino), mas ainda assim um elenco um pouco abaixo dos demais competidores na fase que decidirá os finalistas.

Imagino que Barcelona, Real Madrid e Bayern estarão torcendo muito na próxima sexta-feira, pela manhã, no Brasil, quando serão efetuados os sorteios dos cruzamentos, e torcendo para que enfrentem a Juventus na fase semifinal.

Se eu tivesse que cravar, agora, meu time favorito para a conquista do título europeu, apontaria o Bayern, se o Guardiola puder contar com Schweinsteiger, Robben, Ribéry e Alaba.

22 de abril de 2015

Da série frasistas memoráveis

Barão de Itararé

“O uísque é uma cachaça metida a besta”.

O que se leva desta vida é a vida que a gente leva.

A criança diz o que faz, o velho diz o que fez e o idiota o que vai fazer.

Os homens nascem iguais, mas no dia seguinte já são diferentes.

Dizes-me com quem andas e eu te direi se vou contigo.

A forca é o mais desagradável dos instrumentos de corda.

Sábio é o homem que chega a ter consciência da sua ignorância.

Não é triste mudar de ideias, triste é não ter ideias para mudar.

Mantenha a cabeça fria, se quiser ideias frescas.

O tambor faz muito barulho, mas é vazio por dentro.

Genro é um homem casado com uma mulher cuja mãe se mete em tudo.

Neurastenia é doença de gente rica. Pobre neurastênico é malcriado.

De onde menos se espera, daí é que não sai nada.

Quem empresta, adeus.

Pobre, quando mete a mão no bolso, só tira os cinco dedos.

O banco é uma instituição que empresta dinheiro à gente se a gente apresentar provas suficientes de que não precisa de dinheiro.

Tudo seria fácil se não fossem as dificuldades.

A televisão é a maior maravilha da ciência a serviço da imbecilidade humana.

Este mundo é redondo, mas está ficando muito chato.

Precisa-se de uma boa datilógrafa. Se for boa mesmo, não precisa ser datilógrafa.

O fígado faz muito mal à bebida.

O casamento é uma tragédia em dois atos: um civil e um religioso.

A alma humana, como os bolsos da batina de padre, tem mistérios insondáveis.

Eu Cavo, Tu Cavas, Ele Cava, Nós Cavamos, Vós Cavais, Eles Cavam. Não é bonito, nem rima, mas é profundo…

Tudo é relativo: o tempo que dura um minuto depende de que lado da porta do banheiro você está.

Nunca desista do seu sonho. Se acabou numa padaria, procure em outra!

Devo tanto que, se eu chamar alguém de “meu bem”, o banco toma!

Viva cada dia como se fosse o último. Um dia você acerta…

Tempo é dinheiro. Paguemos, portanto, as nossas dívidas com o tempo.

As duas cobras que estão no anel do médico significam que o médico cobra duas vezes, isto é, se cura, cobra, e se mata, cobra.

O voto deve ser rigorosamente secreto. Só assim, afinal, o eleitor não terá vergonha de votar no seu candidato.

Em todas as famílias há sempre um imbecil. É horrível, portanto, a situação do filho único.

Negociata é um bom negócio para o qual não fomos convidados.

Quem não muda de caminho é trem.

A moral dos políticos é como elevador: sobe e desce. Mas em geral enguiça por falta de energia, ou então não funciona definitivamente, deixando desesperados os infelizes que confiam nele.


21 de abril de 2015

Pequenas, mas boas mudanças no futebol

Desde a década de 1940, quando passei a acompanhar (e jogar pelada) futebol, muito pouca coisa mudou. 

As modificações de regras, interpretações, conceitos e costumes no futebol são sempre muito lentos. Aliás, a meu juízo, como deve ser mesmo.

Assisti, no sábado, a uma das semifinais do FA Cup, ou Copa da Inglaterra, a competição de futebol mais antiga do mundo, e que deu origem, como não poderia deixar ser,  a muitas das normas até hoje adotadas em competições.

O adversário do Arsenal, time pelo qual torço na terra da rainha, nesta semifinal, foi o Reading Football Club, fundado em 1871.

Este clube disputou a Premier League (1ª Divisão) na temporada 2012/2013, mas não se sustentou. Conquistou, por duas vezes, o titulo de campeão da 2ª Divisão, duas vezes o titulo da 3ª Divisão e uma vez o campeonato da 4ª Divisão.

Isso demonstra a gangorra na histórica trajetória deste clube, sediado na cidade de Reading, que dista cerca de 70 quilômetros de Londres.


O Arsenal, bem o Arsenal é, juntamente com o Manchester United, o maior vencedor desta Copa, com 11 títulos. E é o atual detentor da taça (temporada 2013/2014). A diferença é que o United já foi eliminado nesta edição e o Arsenal, com a vitória sobre o Reading, irá disputar a final podendo alcançar a taça pela 12º vez.

Inicialmente, nas fases preliminares, são 737 times disputando  a Copa da Inglaterra, ou  FA Cup. A primeira edição foi disputada exatamente no ano de fundação do Reading (temporada 1871/1872), o que significa dizer que está  na 133ª edição.

As semifinais e a final são disputadas no Estádio de Wembley, em Londres, que é a casa da seleção inglesa. Foram 84.000 torcedores no estádio. No dia seguinte - domingo - no mesmo Wembley, para assistir a outra semifinal, entre o Liverpool e o Aston Villa, havia 85.000 (em números redondos).



As partidas das primeiras fases são disputadas no sistema mata-mata, como na Copa do Brasil. Não havendo vencedor na primeira partida, é jogada a segunda no campo do do adversário.

No final de maio, Arsenal e Aston Villa, que eliminou o Liverpool, disputarão a Copa da Inglaterra. Uma curiosidade no seio da família real: William torce pelo Aston Villa; já Harry torce pelo Arsenal.

O Arsenal foi fundado em 1886 não tendo disputado, portanto, a primeira versão da Copa da Inglaterra. Ou seja, meu clube na terra do fish&chips tem SÓ 129 anos de existência.


Feitas estas considerações sobre tradição, história, organização e fórmulas de disputas desde a primeira competição de futebol, em 1871, passo a comentar algumas alterações processadas no últimos anos que melhoraram o transcurso das partidas.

Começo pela impossibilidade de atrasar, com os pés, a bola, para o goleiro defende-la com as mãos. Este recurso era muito usado para fazer o tempo correr, por equipes que estavam a frente no marcador.

No mesmo sentido, de evitar a cera, o goleiro ter que repor a bola em jogo em tempo cronometrado. Antes o goleiro ficava "eternamente" batendo a bola no gramado, até repor em jogo.

Ainda nesta linha de dar mais dinâmica e aumentar o tempo efetivo de jogo, a colocação de 7 bolas no campo de jogo foi uma boa medida. Uma no gramado, dentro das  4 linhas, e 6 outras nas laterais, para reposição imediata.

No passado, com uma só bola em uso na partida, alguns jogadores davam bicões para a arquibancada para ganhar tempo .

Principalmente quando os torcedores as retinham por lá, não devolvendo ao gramado. E havia, em alguns “estádios”, a possibilidade de isolar a bola para fora do próprio campo e jogo.

Outra medida acertada, agora consagrada inclusive no Brasil, que também contribui para dar mais velocidade a bola e consequentemente ao jogo, é cortar a grama bem baixa. 

Antigamente as gramas muito altas diminuíam a velocidade da bola e em alguns casos eram tão altas que escondiam as chuteiras dos jogadores.

Molhar um pouco a gramado é também uma boa medida neste sentido, de tornar a bola mais rápida.

O uso obrigatório de caneleira evitou muita fratura de tíbia e perônio, sem dúvida.


A possibilidade de substituições, durante a partida, também foi uma inovação bem-vinda. Há quem defenda a possibilidade do jogador substituído poder retornar após alguns minutos fora do jogo. Como em outras modalidades (volei, basquete, futsal, etc.)

O uso dos cartões, para advertências aos jogadores, foi uma boa medida, embora sua implantação tenha sido por outras razões (dificuldade, em competições internacionais, de diálogo entre atletas e juízes). 

Assim ficamos todos, jogadores e torcedores sabendo que aquele atleta está sujeito a expulsão na reincidência. Antigamente ficava ao livre arbítrio do juiz, que repreendia, ou não, verbalmente, e por vezes nos surpreendia com decisões absurdas.

Hoje o jogador sabe que, estando advertido com o cartão amarelo, estará correndo o risco de eliminação do jogo se continuar a cometer faltas mais duras.

Alguns defendem a criação de um cartão na cor azul, que seria aplicado para exclusão temporária, admitido o retorno do faltoso ao cabo de algum tempo de jogo.

Outra alteração das regras, reclamada por alguns torcedores, inclusive pelo Riva, aqui no blog, diz respeito a marcação do impedimento.

Eu mesmo fui, durante muito tempo, um defensor da eliminação desta infração prevista na regra. Agora, depois de muita observação e análise, cheguei a conclusão que a mudança somente levaria ao nivelamento, por baixo, da disputa da partida.

Seria utilizada, de forma antiesportiva, por jogadores e técnicos matreiros.

Entre outras bizarrices, antevejo um centroavante o tempo todo colado no goleiro adversário tirando a concentração e a visão dele.

Um chutão de longe, estando ele com a visibilidade comprometida, poderia resultar em gol.

O que me incomoda mais são as marcações subjetivas. Inclusive as relacionadas ao impedimento.


Mas a pior é mesmo a interpretação da penalidade. Foi bola na mão ou mão na bola dentro da área? Fora da área os juízes não titubeiam.

Nossos comerciais

SITE RESPONSIVO
DA TELONA DO DESKTOP À TELINHA DO CELULAR
Tau Virtual
Faça um teste. Tente aumentar ou diminuir a janela desta página. Ou ler no seu celular. Reparou como o conteúdo se reorganizou de acordo com o tamanho da janela? Isto é um site responsivo, em que as informações se ajustam ao formato da tela. Uma necessidade fundamental num mundo em que cada vez mais tablets e smartphones são usados. O Google percebeu a importância dessa experiência e lançou um “rótulo” de responsividade.
Quer saber se seu site é responsivo?

Tau Virtual
E o que isso tem a ver com seu negócio?

A partir de agora, os sites que não forem responsivos serão prejudicados no rankeamento do Google. Significa que, para ter destaque e ser encontrado, seu site precisa se apresentar direito da telona do desktop à telinha do celular.
Tau Virtual
Desde o ano passado, todos os sites feitos pela Tau Virtual já são desenvolvidos com essa preocupação. Se o seu site ainda não é responsivo, fale com a gente.
Carolina Suhett
 carolina@tauvirtual.com
RJ (21) 2719-2762
Bia Simi
bia@tauvirtual.com
SP (11) 98752-3134
Tau Virtual
www.tauvirtual.com.br