7 de dezembro de 2015

Desnudando o farsante ... um dia a casa cai










Nota do editor: espero que nem o jornalista (Téspis), nem o veículo ( jornal "Santa Rosa") e muito menos a dona da história, a comissária de bordo, se oponham a esta republicação.

11 comentários:

Carlos Frederico disse...

Afinal um relato preciso do que foi a vergonhosa manobra que levou a VARIG à falência. A negativa governamental de pagar à empresa a dívida bilionária foi (ainda é) proposital, com vistas a ganhos escusos, que não foram relatados no texto mas que aparecem em outros relatos sobre o assunto. Os interesses de TAM e GOL são pontos a serem investigados por quem quiser se aprofundar no assunto.
É (mais) uma página vergonhosa na história do Brasil.

Carlos Frederico disse...

O castelo de Maduro começa a cair.
O dos Kirchner já caiu.
Agora só falta você, Brasil!

Jorge Carrano disse...

Espero que este surto (no interior chamam de andaço) de bom senso, de juízo, transforme-se numa epidemia e se alastre por todo o continente americano do sul e central e caiam em sequência os bolivarianos (e simpatizantes) totalitários, e possamos respirar melhores ares. Quem sabe a felicidade realmente existe.

Quem se apega ao poder a qualquer preço e usando quaisquer meios para mantê-lo não pode estar bem intencionado.

Riva disse...

Virou um jogo de xadrez.

Dilma, que apresentou sinais de esperteza, discursa agora contra o recesso parlamentar, pois enxerga que um julgamento nas próximas semanas com certeza confundirá os reais motivos de um impeachment com uma simples retaliação de uma ratazana vingativa chamada Eduardo Cunha.

Também discursa elogiando a honestidade e lealdade de Temer, que ela sabe não existir. Mas também sabe que se ele a trair poderá ficar arranhado perante a opinião do pseudo congresso nacional. Tenta assim, um cheque pastor, nesse jogo duríssimo de xadrez.

Mas e o povo nisso tudo ?
Como já disse Eurico Miranda uma vez, "a torcida que se f...... !!"


Enquanto isso, na Venzuela, Maduro enfrentará a ira da oposição por 3 longos anos. Simplesmente impossível governar. Não vai conseguir ...

Inflação em torno de 200%, mais de 15% de desempregados, desabastecimento, etc. Como ele vai reagir, eu até imagino .... aguardemos !

PS 1: e o Vasco caiu primeiro.

PS 2: Ontem no Fantástico, nitidamente a GROBO se vingou do Eurico Miranda com aquela sacada genial do SBT nas camisas do Vasco, em 2000. Conseguiu até convencer o cantor Roberto Leal a fazer parte da sacanagem com o Vasco. Lamentável, hein, Roberto Leal !!!! Deve estar precisando muito para aceitar um papelão daqueles em rede nacional.




Riva disse...

Do TWITTER

O Antagonista encontrou um parágrafo numa reportagem da Veja que deveria estar na manchete de todos os jornais. É o relato das chantagens e pressões do governo do PT sobre os ministros do STJ, para que livrem antes do Natal os empreiteiros e agregados presos pela Lava Jato.

Leiam:

"Veja ouviu de dois ministros do STJ um relato inusitado: os magistrados que vão decidir sobre a liberdade dos empreiteiros estão sob pressão. O que isso quer dizer? 'Ameaçam-se alguns com dossiês, outros com processos administrativos. Promete-se a inclusão ou o veto de apaniguados nas próximas listas de indicação para promoções de tribunais conforme a decisão a ser proferida', conta um deles."

Riva disse...

Numa boa, minha análise do Jogo de Xadrez foi exata, hein ? À noite veio a carta do Temer, que percebeu, claro, o jogo da Dilma.

Riva Enxadrista disse...

Movimentos no Tabuleiro :

Picciani foi chamado pra cortar a grama no jardim do Palácio do Planalto que está alta, mas avisaram: não é pra comer, isso é com o Requião.

(pano rápido)
. . . . . . . . . . . .

Michel Temer, ontem à noite, jantou Dilma Rousseff.

Disse a Época:

“Em clima de divórcio com a presidente, Michel Temer não perdeu tempo e, pouco depois da derrota sofrida pelo governo na Câmara, jantou com o presidente do PRB, Marcos Pereira”.

O PRB tem 20 deputados.

Se eles apoiarem o impeachment, Dilma Rousseff cai imediatamente.

. . . . . . . . . . . .

A inflação nos últimos 12 meses chegou a 10,48%. Não passava de 10% desde 2003.

O PT perdeu o discurso da "herança maldita de FHC".
. . . . . . . . . . . . .

Monica Bergamo explicou por que Lula insiste em nomear Nelson Jobim para o ministério de Michel Temer:

“É uma possibilidade de o governo exercer maior controle sobre a PF”.

Monica Bergamo disse também que os quadrilheiros querem aproveitar a queda de Dilma Rousseff para tentar escapar da cadeia:

“Há grande expectativa sobre os rumos da Lava Jato caso Dilma caia e Temer assuma. A imprensa se concentraria na cobertura do novo governo, diminuindo o espaço destinado às investigações. Ministros de tribunais superiores se sentiriam menos ‘acuados’, na opinião de profissionais do direito, e se encorajariam a tomar decisões contrárias às do juiz Sergio Moro”.

Essa gente ainda acredita que pode deter a Lava Jato.

Mas não pode.

Em 2016, o juiz Sergio Moro, a PF e o MPF vão erradicar definitivamente do poder a bandalha petista.
. . . . . . . . . . . . . .

Um dos deputados que tentou impedir ontem a votação que definiu a comissão especial do impeachment de Dilma Rousseff foi Carlos Zarattini, do PT de São Paulo. Zarattini teve de ser retirado à força de dentro de uma das cabines.

Zarattini amanhã será ouvido por Sérgio Moro como testemunha de defesa de João Vaccari Neto, o ex-tesoureiro do PT que gerenciava a propina desviada da Petrobras para as campanhas petistas.
. . . . . . . . . . . .

A pedido da Polícia Federal, o juiz Sérgio Moro acaba de conceder mais 15 dias para a conclusão do inquérito da Operação Passe Livre, que investiga o pecuarista José Carlos Bumlai por corrupção e lavagem de dinheiro.

A PF alegou necessidade de mais tempo para processar o material apreendido pelas 24 equipes envolvidas na execução da operação. "Espera-se ao menos a realização de análise preliminar nos documentos apreendidos, bem como no conteúdo extraído das mídias também apreendidas."

Moro, porém, foi duro. Ele espera que a PF conclua a análise antes do início do recesso judiciário.

Riva disse...

ATENÇÃO

Marcelo Odebrecht pode ser solto amanhã.

Diz Lauro Jardim, em O Globo:

"Na semana passada, o ministro Marcelo Navarro Ribeiro Dantas votou pelo habeas corpus. O julgamento, no entanto, foi interrompido por um pedido de vista do ministro Jorge Mussi.

A expectativa da defesa é que o processo volte à pauta na sessão de amanhã. Quem conhece a cabeça dos ministros da Quinta Turma do STJ - até onde se pode conhecer a cabeça de um juiz - aposta que Odebrecht teria três dos cinco votos possíveis".

O maior perigo para a Lava Jato está no STJ e no STF, e não no governo Michel Temer.

O protesto do dia 13 tem de dar uma resposta a Ribeiro Dantas e aos demais ministros do petrolão.

Jorge Carrano disse...

KKKKKKK
Nelson Jobim? Não tente adivinhar a missão dele no ministério, Riva.
Ele é capaz de tudo, tudo mesmo!
Aceitaria jogar de centroavante no Avaí. Tem envergadura física para a função, mas não tem moral para nenhuma outra.
A opinião do blog sobre ele é antiga e sabida. Está em
http://jorgecarrano.blogspot.com.br/2010/01/implicancias.html

Riva disse...

Essa reunião do Conselho de Ética é o retrato do BRASIL de hoje .... uma vergonha. Estou assistindo há mais de 1 hora, e é "estarrecedor" o nível dos debates.

Não tem jeito, acho que nem Papai do Céu conserta isso.

Carlos Frederico disse...

Já tinha prometido me calar, mas gosto de remexer um pouco o braseiro para reacender o fogo das paixões!

Acho que de momento o melhor cenário é Dilma escapar do impeachment, mas a Lava-Jato ganhar tal força que destrua toda a base partidária do governo (PT e coligados do mal). Ela permaneceria vaca de presépio, mas sem força para levar à frente o projeto de poder.
Se ela cair, novas forças (do mal) se levantarão, com chance de atrapalhar o andamento da Lava-Jato, que tem objetivo maior que o de derrubar governo: acabar com a corrupção...