28 de fevereiro de 2018

Modernidades, Carrano, modernidades!

O Dr. Carlos Augusto Lopes Filho, está aposentado, depois de anos de militância no Judiciário, onde exerceu as nobres funções de Promotor de Justiça e Juiz de Direito.

Para mim é o amigo Carlinhos, com quem compartilhei bons momentos na gestão do Grêmio do Liceu Nilo Peçanha, e também jogando futebol-de-salão e/ou tomando umas portuguesinhas.


Aqui estamos os dois, no segundo time.
Estamos em órbitas distintas desde há muito tempo, mas ao longo dos últimos 50 anos vez ou outra nos aproximamos. 

Recebi esta semana uma mensagem eletrônica através da qual anunciava o lançamento de um de seus livros, no caso "Os Desbravadores", na versão e-book.


Respondi indagando se não se tratava da mesma obra com a qual me presenteou, juntamente com outras de sua lavra, há muitos anos, na versão impressa, e que recentemente publicou em capítulos em seu blog.

Ele retrucou afirmando tratar-se do mesmo livro só que no formato de e-book. E acrescentou: "modernidades, Carrano, modernidades."


Notas do autor:

1. No futebol de salão eramos do time reserva, ou segundo time. Somente esforçados (rsrsrs).

2. Portuguêsa era uma cerveja leve, fabricada pela Antárctica, que lamentavelmente saiu do mercado há muitos anos.

3. Carlinhos é botafoguense, mas gostava do Canto do Rio, clube aqui de nossa cidade.

4. Leia em qualquer lugar gratuitamente: baixe o Kindle para Android, iOS, PC, Mac e mais
http://amzn.to/1QXpzKK

6 comentários:

Jorge Carrano disse...

Justiça se lhe faça. Embora fosse o técnico do time, nas ausências e/ou impedimentos do Alber Pessanha, nosso professor de educação física, nunca se escalou na equipe principal.

Ou seja, já era desde então uma pessoa ética, que conhecia suas limitações (rsrsrs).

Ao se aposentar sem aguardar a iminente promoção e dedicar-se às viagens e à literatura, não se arvora sabiamente a ser um Machado de Assis e nem um José Saramago, para ficar na língua portuguesa.

Prefere águas menos profundas nas quais nada de braçada.

Carlinhos é uma pessoa do bem. Certamente você que não o conhece gostaria de te-lo como amigo.

Jorge Carrano disse...

Atenção ex-liceístas.

Acaba de sair a versão eletrônica do livro "Lembranças do meu Liceu".

Acessem:

https://www.amazon.com.br/dp/B07B42JS66/ref=cm_sw_r_em_apa_yYQLAbTQTBTSN

*Selecione o endereço acima, e cole na barra de seu navegador).

Carlos A. Lopes Filho disse...

Carrano, eu queria mais era que o Liceu ganhasse todos os jogos que disputava. Por isso me escalava no segundo time.

Jorge Carrano disse...

KKKKKK

Outro traço de sua personalidade, aceitar e reconhecer seus limites. Despia-se da vaidade.

Mas não precisava penalizar seus amigos Carrano e Irapuam, colocando-nos na vala comum dos pernas-de pau. rsrsrs

Carlos A. Lopes Filho disse...

O segundo time de futebol de salão do Liceu era muito bom... eu jogava nele... apesar de ter mudado de posição posteriormente... no campo passei a jogar de zagueiro central...

Jorge Carrano disse...

É verdade, o segundo time era muito bom, a despeito de jogarmos nele (rsrsrs).