15 de fevereiro de 2017

COMENTANDO generalidades 4

Americano gosta e sabe organizar festas. Depois do Super Bowl LI, nos próximos dias teremos outros eventos festivos.

No domingo dia 26, enquanto muita gente estará assistindo ao desfile das Escolas de Samba, algumas outras pessoas, apaixonadas pela sétima arte,  e ao mesmo tempo enfadadas com os desfiles sempre repetitivos, assistirão, pela TV, a entrega do Oscar 2017.


Como sempre haverá atrações musicais.

E por falar em musica. Este ano parece barbada a vitória de um filme musical: La La Land.

XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX

Antes porem, entre os dias 17 e 19, poderemos assistir a festa da NBA.

Neste período será realizado o All-Star Game, versão 2017, que reúne os melhores jogadores das Conferências Leste e Oeste, num jogo que reúne as estrelas da temporada.


Mas a festa, com duração de 3 dias, não se resume a esta partida. Tem competição de arremessos da linha de 3 pontos. Tem jogo entre lendas do esporte e muito mais.

A programação completa está em http://www.nba.com/2017-all-star-schedule

XXXXXXXXXXXXXXXXXXX

Os mais velhos que frequentam o Pub da Berê devem se lembrar do misterioso aparecimento de muitas latas com cerca de 1Kg de maconha, em cada uma delas, boiando no litoral do Rio de Janeiro.

Foi em 1987. Agora recentemente apareceram, na Praia da Urca, cédulas de R$ 100,00 e de R$ 50,00.

Antigamente “tesouros” eram encontrados no fundo do mar. Agora boiam.

XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX

Não demora e atingiremos o patamar de consumo de antidepressivos idêntico ao dos americanos. Êta povinho chegado a este tipo de droga.

No ano passado cresceu em 18,2% a venda de antidepressivos e estabilizadores de humor no Brasil, movimentando algo como R$ 3,4 bilhões. É mole ou quer mais?

Só analgésicos venderam mais: R$ 3,8 bilhões.

XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX

De todas as mais absurdas estatísticas, bem ao gosto americano, repetidas pelos locutores brasileiros, a mais bizarra, inútil e risível, foi a de que no encontro deste ano, reunindo o New England Patriots e o Atlanta Falcons, aconteceria a terceira maior diferença de idade entre os treinadores.

Nem as informações da Maju, sobre as áreas de convergência que influem no clima são tão desnecessárias.

XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX

O instituto da mediação não chega a ser algo novo na legislação brasileira, agora encampada pelo Código de Processo Civil, em vigor desde março passado.

Você tem ideia do que seja isso? Já ouviu um advogado recomendar a decisão de um conflito através de mediação?

Por fim, você topa entregar a um mediador ou a uma Câmara de Mediação, a solução de seu entrevero com o vizinho do condomínio?

Parabéns, mas será que ele topa?

XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX

Com pequenos reparos, o vídeo abaixo é minha história com meu pai. Também faltou o "eu te amo". E acho que até o abraço forte mesmo, cheio de emoção.
# simplesassim


video

13 comentários:

Paulo Bouhid disse...

Bom dia, Jorge. Como te falei, minha relação com meu pai era muito estreita, e a primeira coisa que me ocorreu foi um forte abraço.
Como pai, não sei o que meus filhos responderiam...

Riva disse...

Meu caro Blog Manager, fui ali, depois de assistir ao video ....emocionante demais.
Vc tem o endereço na web desse video ?

Outra : qual a sua opinião sobre a Câmara de Mediação ?

Jorge Carrano disse...

Riva,
Aqui no blog, quem tem expertise para essas coisa de busca e rastreamento na web é seu xara, Paulo Bouhid.
Atenção desavisados, Paulo e Riva são xarás sim)

Vou pedir socorro a ele.

Paulo Bouhid disse...

O endereço do vídeo é este, Riva:

https://www.youtube.com/watch?v=KO7lyX54Etk

Abs.

Riva disse...

valeu Xará !

Carrano, e qual a sua avaliação da Câmara de Mediação ?

Ana Maria disse...

Americanos são bons de festas sim, principalmente os grandes espetáculos, mas nós também caprichamos.
Vídeo emocionante para quem não tem mais o privilégio de conviver com o pai (acrescentaria também a mãe). Infelizmente em nossa família não tínhamos o hábito salutar do contato físico do abraço. Sentíamos o amor, mas sem muitas manifestações. Por este motivo demos menos abraços que deveríamos.
Por falar nisso, precisamos nos abraçar mais brother.

Jorge Carrano disse...

Riva,
It depends on ..., mas, objetivamente, não me atraem as câmaras ou mediações monocráticas.
Prefiro esgotar as possibilidades de composição diretamente com o ex adverso ou a parte, inicialmente.

Ana Maria,
Estou com os braços abertos, acredite (impossível colocar imagem no cometário).

Nossa relação pode ser conflituosa, mas é respeitosa e afetuosa. Divergimos, eventualmente, no terreno das ideias. Mas é só.

Jorge Carrano disse...

PSG 4 X 0 Barcelona. Memorável!
Partida disputada segundo regras bem engendradas pelos ingleses, há muito tempo, inclusive com o impedimento tão criticado por aqueles que querem desvirtuar o futebol.
Pessoas que, como o confrade Riva, gostam mesmo é das peladas do aterro da Glória, à noite, nos torneios disputados entre os garções.
Também gosto de pelada, mas é outro esporte.

Aguardo a qualquer momento um e-mail do goleiro Manuel Neuer, do Bayern e da seleção alemã, que não consegue nem pensar em ficar marcado por um centroavante trombador qualquer, impossibilitando que ele atue como libero atras da zaga.

Querem criar, no futebol, a posição de marcador do goleiro. Ficar colado nele para pegar rebotes e dificultar sua ação como um dos onze jogadores.

Ana Maria disse...

Não tenho dúvida quanto ao afeto que nos une, me referi especificamente ao abraço, item no qual somos econômicos. Rs

Riva disse...

Carrano .... e o seu ARSENAL ???

Riva disse...

...complementando .... não economizem abraços, apertados.

Obrigado, de nada !

Eu deixei recado
Pra me ligar .... depressa
Eu deixei um beijo
E um abraço .... apertado

Vem me mostrar
Rotas do Oriente
Rotas do Ocidente

Mas que Oriente ?
Mas que Ocidente ?
Mas que Oriente ?
Mas que acidente ?

(Riva - 1983)

Riva disse...

...em tempo .... Neuer não é somente um goleiro. É um zagueiro, e às vezes, até um líbero, no melhor estilo das peladas, dos rachas.

Para quem viu a Holanda 74 jogar, e eu vi, era estratégia de pelada, que surpreendeu os bam bam bans do futebol, aglomerando jogadores num setor do campo, e partindo para o gol de qualquer maneira.
Não foram campeões porque subiram no tijolinho, como o Cruiff confessou em seu livro, depois da vitória sobre o Brasil, que eles temiam.

VIVA A PELADA, o FUTEBOL DE RUA, CADA UM SE VIRA PARA MARCAR QUALQUER UM.
VIVA A BOLA DE MEIA !!

Jorge Carrano disse...

E viva a Football Association que formulou as regras que fizeram com que o esporte se espalhasse pelo mundo conquistando corações e mentes.

Peladeiros, divirtam-se. Se eu ainda jogasse ...

Agora, de minha poltrona, quero assistir ao futebol tal como concebido, jogado em gramados perfeitos (como o green do golfe), com grama curta, molhados antes das partidas para dar mais velocidade, equipes uniformizadas e os melhores do mundo em ação.

Nas peladas não encontro Messi, não encontro Ronaldo, não encontro ninguém que jogue em nível profissional.
Se houvesse, seria um idiota, um palerma, um sonhador, porque estariua perdenda a chance de ficar milhonário.